terça-feira, 2 de outubro de 2018

JORNADA MUNDIAL DO ROSÁRIO

Anualmente, o Apostolado Virgem Peregrina da Família, juntamente com outros movimentos Marianos de todo o mundo, realiza a Jornada Mundial do Terço, no primeiro sábado do mês, por ser dedicado à Nossa Senhora.


Para este ano de 2018, além da realização da Jornada no dia 6, todos somos "convidados" para Rezar o Rosário durante todo o mês de outubro, em comunhão e penitencia, pedindo a interseção da Virgem Maria e de São Miguel Arcanjo pela Igreja que está sendo atacada pelo demônio.

As Igrejas deverão se mobilizar em resposta a este convite, mas as famílias também devem se preparar e rezar ao menos um terço em seu lar. A Igreja Doméstica também está sendo atacada de diversas formas. Vamos somar com a Igreja e unir nossas vozes, corações e orações à toda a Igreja Católica Apostólica Romana, pedindo também pelo futuro do Brasil.

Após a conclusão do Rosário a cada dia, o Santo Padre nos pede que seja rezado o pequeno "Exorcismo de São Miguel Arcanjo" e a Oração de Nossa Senhora, "Sob Tua proteção".

A preguiça e o excesso de preocupações com as coisas do mundo, nos fazem deixar as orações para depois. Lembremos que um Convite efetuado pelo Santo Padre, não se deve recusar, deve-se largar tudo para atender; os Bispos acataram o convite e transmitiram a "Convocação" para as suas Dioceses, ou seja, todo cristão batizado, deve cumprir de bom grado o pedido do Papa e rezar o Rosário diariamente com penitencia e comunhão com a Igreja.

Que Deus abençoe à todos e abaixo leia-se o comunicado da Santa Sé, com as referidas orações, na Integra:


Comunicado de Imprensa da Santa Sé
29.09.2018 [B0707]

O Santo Padre decidiu convidar todos os fiéis, de todo o mundo, a rezar todos os dias o Santo Rosário, durante todo o mês mariano de outubro; e, a unir-se em comunhão e penitência, como povo de Deus, pedindo a Santa Mãe de Deus e ao Arcanjo Miguel para proteger a Igreja contra o diabo, que sempre procura nos separar de Deus e uns dos outros.

Nos últimos dias, antes de sua partida para os países bálticos, o Santo Padre encontrou-se com Rev. Fréderic Fornos S.J., Diretor Internacional da Rede Mundial de Oração pelo Papa; e pediu-lhe para difundir ao redor do mundo este seu apelo a todos os fiéis, convidando-os a concluir a recitação do Santo Rosário com a antiga oração "Sub tuum praesidium", e a oração a São Miguel Arcanjo que nos protege e ajuda na luta contra o mal (cf. Ap 12, 7-12).

A oração – afirmou o Pontífice há poucos dias, em 11 de setembro, durante uma homilia na Santa Marta, citando o primeiro livro de Jó – é a arma contra o Grande acusador que "viaja pelo mundo à procura de quem culpar." Apenas a oração pode derrotá-lo. Os místicos russos e os grandes santos de todas as tradições, nos momentos de turbulência/confusão espiritual, aconselhavam a proteger-se sob o manto da Santa Mãe de Deus pronunciando a oração "Sub tuum praesidium".

A Oração "Sub Tuum Praesidium" diz o seguinte:

"Sub tuum praesidium confugimus Sancta Dei Genitrix. Nostras deprecationes ne despicias in necessitatibus, sed a periculis cunctis libera nos semper, Virgo Gloriosa et Benedicta".

À vossa proteção recorremos, 
ó Santa Mãe de Deus; 
não desprezeis as nossas súplicas
 em nossas necessidades, 
mas livra-nos sempre de todos os perigos, 
ó Virgem gloriosa e bendita.
 Amém.

Com este pedido de intercessão, o Santo Padre pede aos fiéis em todo o mundo para rezarem pedindo que a Santa Mãe de Deus coloque a Igreja sob seu manto protetor: para preservá-la dos ataques do maligno, o grande acusador, e torná-lo ao mesmo tempo sempre mais conscientes das suas falhas, dos seus erros, dos abusos cometidos no presente e no passado e comprometida a lutar sem qualquer hesitação para que o mal não prevaleça.
O Santo Padre pediu também que a oração do Santo Rosário durante o mês de outubro fosse concluída com a oração escrita por Leão XIII:
"Sancte Michael Archangele, defende nos in proelio; contra nequitiam e insidias diaboli esto praesidium. Imperet illi Deus, supplices deprecamur: tuque, Princeps caelestis militiae, Satanam aliosque spiritus malignos, qui ad perditionem animarum pervagantur in mundo, divina virtute, in infernum detrude. Amen".



São Miguel Arcanjo, 
defendei-nos no combate, 
sede nosso refúgio contra a maldade  e as ciladas do demônio! 
Ordene-lhe Deus,  instantemente o suplicamos, 
e vós, príncipe da milícia celeste, pela virtude divina, 
precipitai ao inferno satanás e todos os espíritos malignos 
que andam pelo mundo  para perder as almas.
Amém.



Tradução:
http://press.vatican.va/content/salastampa/it/bollettino/pubblico/2018/09/29/0707/01504.html

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Conheça a Importância da oração em Família

A Semana da Família passou, mas desejamos que estes encontros de grandiosa importância espiritual, se prolonguem por todos os dias e que cada vez mais, numerosas famílias se unam em oração, atendendo aos apelos de Nossa Mãe santíssima, em prol da salvação das almas, das famílias e da Igreja.

 Continuemos sempre unidos em oração!

 

OS DIVERSOS NOMES DA VIRGEM MARIA


Porque a Virgem Maria tem tantos nomes?

Nossa Senhora é uma só; a Mãe de Jesus, Mãe de Deus humanado; mas o povo católico, e também a Igreja, lhe deu muitos títulos, em vista de sua devoção a ela. É uma forma natural que seus filhos encontraram para homenagear a única Mãe e Senhora, e mostrar-lhe a confiança em sua intercessão materna.


 Ela é a Mãe da Igreja, é Mãe de cada batizado, pois Jesus nos deu aos pés da Cruz, instantes antes de Sua morte: “Mulher, eis ai o teu filho!” (João 19,25-26).

O Concílio Vat. II disse que: “Assunta aos céus, ela não abandonou esta salvífica função, mas por sua multíplice intercessão continua a granjear-nos os dons da salvação eterna. Por seu maternal amor cuida dos irmãos do seu Filho que ainda peregrinam rodeados de perigos e dificuldades, até que sejam conduzidos à feliz pátria. Por isto a Bem-aventurada Virgem Maria é invocada na igreja sob os títulos de Advogada, Auxiliadora, Protetora, Medianeira. Isto, porém, se entende de tal modo que nada diminua, nada acrescente à dignidade e eficácia de Cristo, o único Mediador. Com efeito; nenhuma criatura jamais pode ser colocada no mesmo plano com o Verbo Encarnado e Redentor” (LG, nº 62).

O Papa Paulo VI em sua Exortação Apostólica “Signum Magnum” (nº 1), escreveu: “A Virgem continua agora no céu a exercer a sua função materna, cooperando para o nascimento e o desenvolvimento da vida divina em cada uma das almas dos homens redimidos”.

Por ser Imaculada (concebida sem pecado), sempre Virgem, Mãe de Deus e Assunta ao céu, o povo católico no mundo todo a homenageia com uma quantidade inumerável de títulos. Alguns ligados aos lugares em que Ela aparece: Aparecida, Guadalupe, Lourdes, Fátima. Outros títulos ligados às devoções: Nossa Senhora da Agonia, do bom Parto, da boa Morte, do Perpétuo Socorro…. Outros títulos ligados à sua glória: Nossa Senhora da Assunção, Imaculada, Rainha dos Anjos, dos Santos, dos Mártires, dos Confessores, Advogada, Medianeira, etc..

O Ofício da Imaculada e a Ladainha Lauretana, dão-lhe títulos abundantes, baseados na Bíblia: Trono do Grão Salomão, Arca da Aliança, Porta do Céu, Torre de marfim, Refúgio dos pecadores, Consoladora dos Aflitos, Auxilio dos Cristãos…

Na verdade, são incontáveis tantos títulos que a Igreja e o povo de Deus lhe confere, expressando maravilhosamente sua devoção a Ela. Sem dúvida o Coração de Jesus se alegra com isso. Quem não gosta de ver sua mãe exaltada? A cada invocação que o povo lhe dirige, a cada lágrima que se derrama a seus pés, a cada súplica que lhe chega ao Coração, a boa Mãe nos socorre como no caminho do Calvário consolou Jesus.

Prof. Felipe Aquino
Fonte: Editora Cléofas


Datas comemorativas de Nossa Senhora

Confira as datas comemorativas de Nossa Senhora celebradas ao longo do ano
Maria possui inúmeros títulos os quais foram aprovados pela Igreja Católica. Indica-se que já são mais de mil designações para a Mãe de Jesus.

Para que possamos conhecer os principais deles e suas respectivas datas, disponibilizamos abaixo um calendário de acordo com Diretório da Liturgia a da Organização da Igreja no Brasil produzido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB)


Janeiro
Fevereiro

Março

Abril
26 – Nossa Senhor do Bom Conselho

Maio
13 – Nossa Senhora de Fátima
24 – Nossa Senhora Auxiliadora

Junho
24 – Imaculado Coração de Maria

Julho
16 – Nossa Senhora do Carmo
18 - Nossa Senhora das Graças

Agosto
02 – Nossa Senhora dos Anjos
15 - Assunção de Nossa Senhora
22 – Nossa Senhora Rainha

Setembro
08 – Natividade de Nossa Senhora

Outubro
1º sábado do mês – Nossa Senhora do Rosário (Jornada Mundial do Rosário)
12 – Nossa Senhora Aparecida
18 - Nossa Senhora de Schoenstatt 

Novembro
27- Nossa Senhora das Graças

Dezembro
08 – Imaculada Conceição
12- Nossa Senhora de Guadalupe

Fonte: Canção Nova





sábado, 11 de agosto de 2018

Semana Nacional da Família 2018




A Igreja no Brasil celebra entre os dias 12 e 18 de agosto a Semana Nacional da Família, evento promovido pela Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF).